PODER LEGISLATIVO DE FERNANDO PEDROSA

TERRA MÃE DE FERNANDO PEDROSA

segunda-feira, 1 de agosto de 2011

FERNANDO GOMES PEDROZA


Fernando Gomes Pedroza

Sua vida Fazendo a nossa história

O Município de Fernando Pedroza comemorou no dia 11 de Junho o aniversário de 90 anos do seu patrono, o Ex Prefeito de Angicos (1953 a 1958) Fernando Gomes Pedroza, data que também foi lembrada em pronunciamentos no Senado Federal pela Senadora Rosalba Ciarline (DEM), Senador Garibaldi Alves Filho (PMDB) e na Câmara Federal pelo Deputado Betinho Rosado (DEM).


Estiveram presentes na Capital Federal participando das homenagens o vereador Francimagno Alves Batista (DEM) representando a cidade de Fernando Pedroza e o neto do homenageado Renato Moura da Cunha Lima Filho, representante da família Pedroza, onde agradeceram a justa homenagem.

Ressaltou-se a importância deste cidadão que tanto fez pela região denominada de Vila de São Romão, pertencente ao Município de Angicos e que dela se emancipou em 1993, sendo fundado o Município de Fernando Pedroza em homenagem ao seu pai que tinha também o mesmo nome.

Dados Biográficos:
O currículo de Fernando Gomes Pedroza, impressiona pela quantidade de funções, cargos, criações e direções. Agricultor, comerciante, industrial, político (Foi Prefeito de Angicos 1953 a 1958), participações em conferências e congressos nacionais e internacionais (10), representando o RN e o Brasil em áreas de classes produtoras, federação das indústrias, municípios e outros, comendas, títulos. Autor de trabalhos, teses e publicações, fundador e membro de entidades esportivas, desportista - campeão brasileiro e sul-americano.

Seu currículo em mãos, são sete laudas digitadas. O que me chamou mais atenção na biografia desse grande brasileiro foi o desprendimento, seu altruísmo, quanto aos item doações: 1) Doador de 9.500 KM quadrados de terras a União, onde foram construídas às Instalações de Lançamentos de Foguetes conhecidas como “Barreira do Inferno” em 1964 e 2) Doador a Igreja as terras conhecidas como Vila de Ponta Negra em meados de 1960.

A cidade de Fernando Pedroza pode se orgulhar do nome que tem emprestado por esse grande brasileiro. Exemplo de cidadania e cultura. E se hoje é citado e homenageado no Senado Federal e na Câmara Federal por Senadores e Deputados, não se justifica por essas citações curriculares, certamente, o trabalho, a conduta, a eficiência o fizeram merecedor.

.......................... /// .......................

Ao Vereador Francimagno Alves Batista (DEM) - "Magno" da pequenina cidade de Fernando Pedroza, que teve a honra de representar o município e participar das homenagens ao Patrono Fernando Gomes Pedroza, nossos parabéns. Espero que repasse para essa juventude tão sofrida da nossa região, esse exemplo de vida ... E que ... A mão forte que gira as tramelas abrindo as porteiras da nossa região, deve revezar com a outra, hasteando a bandeira da educação.
FONTE: PONTO DE VISTA

quinta-feira, 28 de janeiro de 2010

HISTÓRIA DE FERNANDO PEDROSA-RN

FERNANDO PEDROZA Antigo São Romão teve início em 1920 por ocasião da construção da estrada de rodagem Lages-Santana dos Matos. Em 1921, resolução superior manda que se suspendam os serviços Santa Cruz-Santana, continuando-os em direção a Angicos.
São Romão era, a esse tempo, uma extensa mata, propriedade de vários agricultores, entre os quais FERNANDO PEDROSA, JOAQUIM FIRMINO e MIGUEL TRINDRADE.
Ligado à estrada por interesses comerciais, vinha ANTONIO TEIXEIRA DA ROCHA, no intuito de instalar ali um barracão de fornecimento aos trabalhadores, e uma feira.
No dia 14 de agosto de 1921 realizava a primeira feira, sob latada construída em seis dias. FRANCISCO FRACELINO e CASSIMIRO iniciaram a construção de casas. O movimento era pouco. Mas, um ano depois já aumentara tanto, que, em março de 1922, suspensos os trabalhos da estrada, a feira não diminuiu, firmando-se, assim, pelo hábito, mais um ponto comercial dos moradores vizinhos.
Naquele ano a pequena latada não comportava os feirantes. Aproveitando a derrubada da mata, feita por MIGUEL RUFINO PINHEIRO, até a fazenda “SÃO JOAQUIM”, foi fácil o levantamento de outra latada, com oitenta palmos de comprimento e trinta de largura

A construção da Capela de São Joaquim foi erguida em 1923 sendo celebrada a primeira missa, no dia 25 de dezembro de 1923 e a grande festa do padroeiro da cidade acontece no dia 26 de julho, com realização de novena, procissão, missas e outras manifestações populares.
A primeira escola da comunidade foi a escola Isolada instalada em 1925, que teve como primeira professora a mestre MARIA AMARANTINA WANDERLEI, que permaneceu no cargo até 1926. Em 1928 esse estabelecimento de ensino não funcionou, retornando a funcionar no ano sendo, coma professora MARIA LEONOR GRITO, que permaneceu no cargo até 1934, com os professores ZACARIAS DE OLIVEIRA e OLINDINA DE ARAÚJO.
No dia 22 de janeiro de 1935 o prefeito da cidade de Angicos, senhor JOSÉ NESTPR DE GOUVEIA iniciava a obra de construção do mercado público de Fernando Pedrosa, cuja obra foi inaugurada no ano seguinte
Em 11 de setembro de 1938 foi inaugurado o busto de FERNANDO PEDROSA, patrono da comunidade, e alvo de gratidão do povo do lugar que viu ajudando a transformação de uma mata no trepidante povoado, posteriormente centro comercial, campo agrícola, vila e atualmente cidade
Através do Decreto nº 603, de 31 de outubro de 1938, marcou as seguintes divisas do distrito com a sede do município
“Começa no ponto onde a estrada carroçável de Santana dos Matos a Angicos , corta o limite dos dois municípios, segue, em linha reta, para a ponte da Estrada de Ferro Central, sobre o rio PATAXÓS, ou de ANGICOS, e depois, em direção leste, à vila de Fernando Pedrosa, compreendendo a respectiva área urbana e suburbana; daí pelo leito da Estrada de Ferro Central, até encontrar, a leste, o município de Lajes.
No dia 26 de junho de 1992, a Vila de Fernando Pedrosa conquistou sua independência polícia, desmembrada do de ANGICOS, através da Lei nº 6.301, o qual foi instalado no dia primeiro de janeiro de 1997, que teve como primeiro prefeito o senhor JOSÉ SALVIANO DA CRUZ, que foi eleito no pleito eleitoral realizado no dia 3 de outubro de 1996, juntamente com seu companheiro o vice-prefeito José Batista Xavier. O primeiro administrou foi reeleito nas eleições municipais de 1º de outubro de 2000, continuando no cargo até 1º de janeiro de 2005, quando passou o cargo para o prefeito GONDEMÁRIO DE PAULA MIRANDA JÚNIOR, natural de Angicos-RN, nascido a 5 de outubro de 1971, o qual foi reeleito em 5 de outubro de 2008, com 1431 votos, derrotando seu opositor DANIEL PEREIRA DOS SANTOS, que obteve 1207 votos. Ele tomou posse em 1º de janeiro de 2009 e tem mandato até 31 de dezembro de 2013.
Esta localizado na Microrregião de Angicos, na Mesorregião Central Potiguar, com uma área territorial de 326,9 quilômetros quadrados, equivalente a 0,61 por cento do Estado do Rio Grande do Norte;
FONTE - LIVRO DO SAUDOSO ALUÍZIO ALVES, 1940

MAIS

MAIS

FERNANDO GOMES PEDROSA


FERNANDO GOMES PEDROSA, natural de Macaíba, nascido a 30 de março de 1886 e faleceu no Rio de Janeiro a 9 de março de 1936. Residiu no Rio de Janeiro, voltando a sua terra natal, mas precisamente para Baixa Verde, atual João Câmara e passou a estudar plantio de algodão em que se tornou um verdadeiro técnico. Fundou a casa comercial Wharton Pedrosa em 1917, em Natal. Foi pioneiro na indústria do algodão no Rio Grande do Norte, racionalizando o financiamento das safras, selecionamento das sementes, renovação e modernização do maquinário, padronização dos tipos, etc. Em 1929 Fundou uma fábrica de óleo vegetais na povoação de São Romão, município de Angicos, que passou a ser distrito em 31 de outubro de 1937, através do Decreto nº 603/38 , atual cidade de Fernando Pedrosa, criada pela Lei nº 6.301, de 26 de junho de 1996, que teve como primeiro prefeito o senhor José Salviano da Cruz, eleito em 3 de outubro de 1997 e instalou ao município em 1º de janeiro de 1997. Fernando Pedrosa foi uma pessoa decisiva para que o povoado de São Romão se tornasse vila. Foi um dos fundadores do Aéreo-Clube e diplomou-se na primeira turma de pilotos de turismo. Em 11 de setembro de 1938 foi inaugurado seu busto em bronze numa praça na vila de Fernando Pedrosa

MAIS

PRIMEIRA CÂMARA MUNICIPAL DE FERNANDO PEDROSA

PRIMEIRA CÂMARA MUNICIPAL
A primeira CÂMARA MUNICIPAL foi eleita no dia 3 de outubro de 1996 e foi instalada em 1º de janeiro de 1997, ficando assim constituída:
1 – FRANCIMAGNO ALVES BATISTA
2 – FRANCIMÁRIO DE SOUZA DE ARAÚJO
3 – FRANCISCO CAETANO DA SILVA
4 – FRANCISCO GILSON COSTA
5 – GONDEMÁRIO DE PAULA MIRANDA
6 – GONDEMARIO DE PAULA MIRANDA JÚNIOR
7 – JOSÉ RENATO DA SILVA
8 – MARTINS ALVES DA SILVA
9 – RIVALDO SILVA DE MEDEIROS

MAYARA KEILE

MAYARA KEILE
MISSE DE FERNANDO PEDROSA

Quem sou eu

Minha foto
Sou o subtenente PM/RN JOSÉ MARIA DAS CHAGAS, natural de Mossoró-RN, pai de quatro filhos e que tem como base principal de vida:AMAR A DEUS SOBRE TODAS AS COISAS" e AMAR AO PRÓXIMO COMO AMO A MIM MESMO"; ÃLÉM DE SER HUMILDADE E ATÉ A PRESENTE DATA NUNCA ECONOMIZEI UM GOTA DE HONESTIDADE. TENHO A MANIA DE ESCREVER, ESCREVER, ESCREVER, DE LER, LER, LER; DE PESQUISAR. COM CINCO BLOGS NA REDE MUNDIAL DE COMPUTADORES, CUJA META FINAL É DE CHEGAR AOS 7 BLOGS E 400 LINKS. SOU 95 POR CENTO TORCEDOR DO BARAÚNAS, O MAIS QUERIDO DE MOSSORÓ E 5 POR CENTO FLUMINENSE.

Minha lista de blogs